INTERVENÇÃO DIVINA!

Por Pr Alex Oliveira

Leitura Inicial em Mateus 24:21,22 “Porque haverá então grande aflição, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem tampouco há de haver. Não tivessem aqueles dias sido abreviados, ninguém seria salvo; mas, por causa dos escolhidos, tais dias serão abreviados”.

Acredito que essas palavras de Jesus nos trazem informações e implicações importantes. Quero falar sobre isso hoje!

Ao dizer: “Não tivessem aqueles dias sido abreviados…”, Jesus estava falando e demonstrando, não só a “Intervenção Divina”, mas, a importância dela.

Conforme a expressão já denota, a intervenção é um “ato de intervir, atravessar, quebrar, interromper a autonomia ou o decurso natural de uma ocasião, circunstancia quando se faça necessário”. Nesse sentido, podemos encontrar muitas ocasiões na bíblia, onde a Intervenção Divina se fez necessária. Todavia, que fique claro, nem sempre Deus irá intervir! POR QUÊ?

  • Primeiro, porque Ele nos dotou de certo “discernimento e capacidade criativa”;
  • Segundo porque nos deu a “liberdade de escolha”.

Com isso, quero dizer que na maioria das vezes conseguiremos resolver nossos próprios problemas e dilemas; além disso, vale destacar, temos “autonomia/liberdade” para escolher como tentaremos resolver nossos problemas. Por sinal, quanto a isso, Tiago 1:5 diz que Deus se compraz em nos conceder sabedoria para tal! ENTRETANTO, temos que admitir (embora muitos não o façam) que existem circunstâncias que transcendem nossa capacidade de resolução e controle!  Então, O QUE FAZER?

Veja os conselhos da Palavra de Deus:

> Em Filipenses 4:6Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças”.

> Em 1 Pedro 5:6,7Humilhai-vos, pois, debaixo da potente mão de Deus, para que a seu tempo ele vos exalte; lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós”.

> Em 2 Crônicas 7:14E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra”.

Diante dos casos em que restaram impossibilitados e impotentes pelas circunstâncias, foi isso que fizeram alguns no passado, conforme alguns exemplos abaixo:

  • O Salmista que escreveu o Salmo 124 por declara e agradecer pelo livramento do Senhor;
  • Josafá quando se viu em apuros, completamente impotente clamou ao Senhor (2 Crônicas 20);
  • Ezequias, acometido de enfermidade e diante da sentença de morte se humilhou (Isaías 37);
  • Pedro, estando aprisionado e quase sentenciado à morte, foi alvo das orações da Igreja (Atos 12:5).

Em todos esses casos (e outros), se o Decurso Natural da Ocasião ou Circunstância tivessem se efetivado, o que teria acontecido?

No entanto, em todos eles vimos a Intervenção Divina!

Vivemos dias difíceis! Pandemia, Recessão econômica, Desemprego, Fome, Doenças diversas e outros problemas que ainda podem surgir como consequência de todos esses. Muitos, se não todos, fugiram ao nosso controle e capacidade de resolução! Se Deus não intervier nesse momento, milhares de pessoas continuarão a morrer ou sofrerão; Inocentes ou não, preto ou branco, pobres ou ricos – Muitos deles sem a Salvação!

É Momento mais que propício para Clamarmos a INTERVENÇÃO DIVINA. Façamos isso conforme instruções da Palavra de Deus!

Deus tenha misericórdia da humanidade!

Esse post foi publicado em Artigos e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Participe deixando um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s