SONDANDO O INIMIGO. VENCENDO AS BATALHAS!

7 11 2010

Sondando o Inimigo

Por Pr Alex Oliveira

No evangelho de Mateus 12.29, Jesus conta uma pequena parábola que, devido ao contexto e a própria parábola, se torna auto-explicativa; Contudo, vamos tentar extrair mais ensinamentos que não estão tão explícitos nesta passagem.

O pano de fundo do ministério de Jesus, do capítulo 12, bem como, de todo evangelho; é a inveja e a inconformidade dos Fariseus em relação ao que Jesus pregava e fazia. O que o Senhor Jesus viveu e pregou, o apóstolo Paulo, sistematizou em suas epístolas: A Liberdade em Cristo, pelo evangelho da Graça de Deus. liberdade esta, do pecado; da religiosidade. Liberdade para servir a Deus; para ser santo, etc.  

Jesus, no decorrer do seu ministério, deparou-se com duas grandes oposições, uma delas, orquestrada diretamente, por um velho opositor: Satanás e seus demônios!! A outra, admiravelmente: Dos Fariseus, homens hipócritas; homens que detinham o conhecimento da “letra” da LEI e das escrituras sagradas em geral.

Era de se esperar que Satanás e seus demônios se opusessem e se colocassem como inimigos do ministério de Jesus, ainda que não tivessem força para detê-lo; mas, os homens?! Isto foi uma surpresa; não para o Senhor, mas para nós! É difícil para nós, “gentios”, admitir ou conceber, que o próprio povo rejeitara o seu Senhor (mas isso já é outro assunto). Como João disse: “veio para o que era seu, mas os seus não o receberam…” (João 1.11,12).


Por sermos discípulos do Senhor, em nossa vida e ministério, não será diferente. O apóstolo Paulo, em suas epístolas, principalmente em coríntios e efésios, nos dá a entender, e, de fato é; que esta vida, para nós cristãos, é um campo de batalha. Seja na vida secular, na nossa carne ou na vida espiritual e ministerial; sempre estamos em batalha, em guerra! E nestas batalhas, onde militamos, é evidente: Lutamos contra algo ou alguém! Isto é óbvio?! Pelo menos parece!

Acontece que muitas pessoas não sabem contra o que estão lutando! Boa parte dos fracassos e derrotas em uma guerra ou uma batalha acontece porque os envolvidos não conhecem os seus inimigos, e não estou falando só de uma área específica, falo, onde houver uma luta, batalha ou guerra; seja contra uma simples tentação, ou uma luta contra as hostes e potestades do ar, ou uma perseguição, etc.

Por outro lado, conhecendo o inimigo, suas estratégias e seu modo de agir, as probabilidades de vencer a guerra ou a batalha aumentam consideravelmente. É importante e necessário, também, saber quem você é. Conhecer a si mesmo, seus medos, suas fraquezas, suas características e sua capacidade, lhe deixara mais alerta e preparado e assim aumentará, ainda mais, a chance de vitória, de êxito!

Jesus sabia quem era. Conhecia seus opositores e inimigos. Tanto é que, a parábola de Mateus 12.29 fala muito além do que o texto mostra. Vejamos: “E, se eu expulso demônios por Belzebu, por quem expulsam então vossos filhos? Portanto, eles mesmos serão vossos juízes. Mas, se eu expulso os demônios pelo Espírito de Deus, logo é chegado a vós o reino de Deus”. Nestes versículos Jesus está respondendo uma acusação da parte dos Fariseus a respeito das obras que Ele fazia, de seu ministério, quando exorcizou um homem que estava possesso de um demônio. A mensagem de Jesus é clara: A batalha havia começado, e uma vez que o Reino de Deus fosse implantado, Satanás e seus demônios começariam a perder terreno.

Continuemos: “Ou, como pode alguém entrar em casa do homem valente, e furtar os seus bens, se primeiro não maniatar o valente, saqueando sua casa?” Veladamente, o valente, é uma referência a Satanás (Belzebu). Quando que o valente foi manietado por Jesus? A meu ver, a vitória de Jesus começou a ser construída já no deserto, quando venceu a tentação do inimigo, o qual teve que sair com o “rabo entre as pernas”. Por ter vencido a tentação, Satanás, não teve controle sobre Jesus; ao contrário, como o próprio Jesus disse: “Em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é escravo do pecado” (João 8.34). Em outras palavras, se Ele cedesse à tentação, tornar-se-ia escravo do pecado, e conseqüentemente de Satanás. Glória a Deus! Aconteceu justamente o contrário!

Assim como Jesus, nós temos os mesmos opositores que se colocam diante de nós como inimigos: Satanás, o principal; os fariseus, homens hipócritas! Porém, estes, não são os nossos maiores inimigos; Jesus os venceu, e nos capacita a vencê-los.

Nosso pior inimigo, somos nós mesmos! Nosso ego, nossa arrogância, rebeldia, prepotência, orgulho, etc etc etc… Esse inimigo é o mais difícil de vencer. Na verdade este inimigo aliado as artimanhas de Satanás, se torna “quase”; mas não, indestrutível.

Quando as tentações aparecem, e elas apareceram também para Jesus, o maior problema não está na tentação em si, está em nós! A atitude que teremos diante desta batalha revelará se temos ou não domínio sobre nós mesmos. No momento da tentação do pecado, está em jogo a nossa dignidade, a nossa integridade, a integridade do nosso relacionamento com Deus, a nossa pureza moral e espiritual. Se cedermos à tentação, não só estaremos colocando em risco (e perdendo) tudo isto, mas, também, a nossa liberdade que Cristo conquistou, visto que Paulo e Pedro dizem, a semelhança de Jesus, que: “aquele que é vencido do pecado torna-se escravo dele” (2ª Pedro 2.19 e Romanos 6.16).

O que está em jogo? A tua vida! A vida abundante que Jesus quer lhe dar. O teu relacionamento com Deus!

As conseqüências? Levar uma vida de culpa; vida sem vida; uma vida medíocre; superficial, longe de Deus, e por fim… Você sabe!

Contudo, as palavras de Deus (inclusive as citadas aqui), continuam valendo hoje; quero dizer, continuam atual, como no passado!

Em vista disto, vemos em nosso “meio” que muitos têm perdido a batalha feio! Escândalos e mais escândalos: Adultérios, corrupção, desvios diversos, etc etc etc. Sei, porém, que é difícil, especialmente para os mais jovens, viverem uma vida sem contaminação de “Ns” formas, na sociedade superficial, luxuriosa, sexual e corrupta, que temos enfrentado nesses tempos.  Sei, também, que muitos se enveredaram por caminhos tortuosos, perderam a batalha faz tempo, mas não querem permanecer assim; desejam vencer, mas, a essa altura, não tem mais força.

Felizmente, apesar de tudo, há esperança para reverter esta batalha, enquanto houver vontade e determinação. Se você é uma dessas pessoas que assim tem vivido, comece seguindo a orientação do inicio deste texto: Procure conhecer seus inimigos, a tentação (como ela funciona), evite-a. Por exemplo: Se você tem problemas com Bebidas, nem olhe e procure passar longe de um boteco. Se você tem problemas com mulheres, o que você vai fazer em uma balada. Se tiveres problemas com pornografia, não veja filmes, revistas do gênero e outros filmes e revistas apelativas. A bíblia diz: “fugi da aparência do mal”. Se necessário faça como José: “FUJAAA”!! Não flerte com o pecado!!

Reconheça que você é o maior culpado e o maior prejudicado. Volte-se para Deus em arrependimento, busque a ajuda dele; e se possível, busque a ajuda de um homem de Deus em quem confie.

Ademais, deixo-vos uma texto bíblico que, não só é uma constatação, é uma PROMESSA, e essa, como toda promessa, é para ser CONQUISTADA/ALCANÇADA/REIVINDICADA:

Não há tentação se não humana… Juntamente com a tentação, VOS PROVERÁ LIVRAMENTO, de sorte que possais suportar”. (1 Coríntios 10.13). [o grifo é meu]

Pense nisso! Deus vos abençoe!

About these ads

Ações

Information

2 responses

14 11 2010
carlos chico

Gostei muito, e sei que muita coisa vai mudar em minha vida. Que DEUS o TODO PODEROSO vos abençõe hoge e sempre amém.

15 11 2010
Pr Alex Oliveira

Prezado Carlos,

Essa é a minha oração por vc e por todos que assim necessitam!! Obrigado pela sua presença e o seu comentário!! Que Deus te abençõe! e Lembre-se vc já é mais que vitorioso, por meio daquele que no amou!!

em Cristo,

Pr Alex.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Sumo Sacerdote

Louvor e Adoração

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 133 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: